JESUS FALA AOS DISCÍPULOS

Jesus fala com os Discípulos

Posted by Michely Manuely on Segunda, 30 de março de 2015

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Mateus 7:3-5 - Quando reparamos o quanto há para mudar em nós mesmos, vamos estar bem mais aptos para ajudar outros.


"Por que você repara no cisco que está no olho do seu irmão, e não se dá conta da viga que está em seu próprio olho? Como você pode dizer ao seu irmão: 'Deixe-me tirar o cisco do seu olho', quando há uma viga no seu? Hipócrita, tire primeiro a viga do seu olho, e então você verá claramente para tirar o cisco do olho do seu irmão."

Mateus 7:3-5

Pensamento: Jesus gostava de hipérbole, aquele exagero usado para dar ênfase. Aqui o ponto é quase cômico. A figura do objeto no olho deixa mais claro seu ponto em versículos 1-2. Para uma pessoa enxergar um cisco no olho do outro ela deve estar extremamente próxima e procurando alguma coisa. Para que ela estaria chegando tão perto e procurando algo? O que Jesus está condenando é o espírito crítico, a atitude que só consegue enxergar erros nos outros ou que, vendo falhas, logo julga a pessoa com severidade. É uma verdade geral que a pessoa que habitualmente julga os outros com todo rigor ainda não enxergou quão grande são suas próprias falhas. Embora haja pessoas que excedem nisso, a maioria de nós ainda "costumamos ver nossa própria injustiça com lente de redução, enquanto a do outro com lente de aumento" como notou Fritz Rienecker. A solução é olhar os outros com a misericórdia que queremos que Deus use para conosco. Duas coisas que não devemos julgar são os motivos dos outros (1 Cor 4:5), e questões de costume e opinião pessoal (Rom 14:1-8). Quando houver erro vamos agir com mansidão (Gl 6:1) e julgar com misericórdia (Col 3:13). E vamos começar olhando primeiro para nós. Quando reparamos o quanto há para mudar em nós mesmos, vamos estar bem mais aptos para ajudar outros.
Oração: Gracioso Pai, como eu preciso olhar mais de perto para meus próprios erros. É tão fácil julgar os outros e esquecer dos meus pecados. Na medida que eu vejo as falhas dos outros, que eu possa enxergar o que eu espero que o Senhor veja quando olha para mim - um filho amado. Conceda a todos nós um espírito quebrantado e arrependido. Só o Senhor pode fazer isso. Em nome de Jesus oramos. Amém. [*** Por favor continue com as visitas. Temos grandes projetos para 2012, mas, precisamos de mais apoio. A ajuda que vem destas visitas é fundamental para a expansão deste ministério. Muito obrigado!]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paulo Cesar Baruk - Dependo de ti

ESPIRITO SANTO- Fernanda Brum

Tudo pode mudar"Catedral"

Cristo vive em mim - Ton Carfi

Quão Grande És Tu (Harpa Cristã) - Diante do Trono -Maravilhoso

Abraça-me

Toque em Cristo - Ton Carfi

Paulo Cesar Baruk confiar em ti

Eis me aqui " Aliança do Tabernáculo " CD O CHAMADO

Se tu quiseres crer "O Milagre vai acontecer"

Cristo vive em mim

ME DERRAMAR

Resistindo a tentações - Ele me ama

Pamela - Clipe de "A Chave"

Jeremy Camp - I Still Believe- "Eu ainda acredito"

chora que a vitória vem - Lea mendonça

"Love Is Not a Fight - Warren Barfield"Tradução Música do Filme A Prova de Fogo

AMOR

AMOR
AMOR
Preciso ter uma conversa séria com você, mas desta vez acho que você não vai se entediar e nem se aborrecer com o assunto...
Quero falar de amor, quero falar deste sentimento glorioso que me move em direção a você, deste sentimento que me faz respirar com mais alegria, que me faz agradecer a Deus pelo simples fato de estar viva!
Para ilustrar o quanto você me completa e me faz feliz, vou falar de coisas simples como pássaros, flores, campos, riachos, pipocas, beijinhos e bons aromas. Vou tentar dizer o quanto essas coisas simples se tornam mais belas e saborosas quando você está por perto.
Hoje, vou falar de amor. Não porque me sinta extremamente poética ou inspirada; não há neste bilhete nenhuma pretensão poética, literária ou filosófica: vou falar de amor simplesmente porque você não sai do meu pensamento, vou falar de amor simplesmente porque ele me invadiu desde que eu te conheci e, tenho certeza, este sentimento não vai me abandonar tão cedo.
Querido, vou falar de amor porque gostaria muito que você sentisse o quanto é necessário para mim, o quanto me faz feliz e diferente, o quanto você me faz melhor.